O Menino dos Fantoches de Varsóvia 11


Olá queridos,
Quem gosta de histórias verídicas e dramáticas?

o_menino_de_fantoches_de_varsoviaAutor: Eva Weaver

Editora: Novo Conceito

ISBN:  9788581634173

Ano: 2014

Páginas: 400

Contra – Capa: Mesmo diante de uma vida extremamente difícil, há esperança. E às vezes essa esperança vem na forma de um garotinho, armado com uma trupe de marionetes – um príncipe, uma menina, um bobo da corte, um crocodilo… O avô de Mika morreu no gueto de Varsóvia, e o menino herdou não apenas o seu grande casaco, mas também um tesouro cheio de segredos. Em um bolso meio escondido, ele encontra uma cabeça de papel machê, um retalho… o príncipe. E um teatro de marionetes seria uma maneira incrível de alegrar o primo que acabou de perder o pai, o menininho que está doente, os vizinhos que moram em um quartinho apertado. Logo o gueto inteiro só fala do mestre das marionetes – até chegar o dia em que Mika é parado por um oficial alemão e empurrado para uma vida obscura. Esta é uma história sobre sobrevivência. Uma jornada épica, que atravessa continentes e gerações, de Varsóvia à Sibéria, e duas vidas que se entrelaçam em meio ao caos da guerra. Porque mesmo em tempo de guerra existe esperança.

Resenha:

Este livro se passa em 1983, durante o Holocausto, e nele conhecemos Mika, que resolve contar para o seu neto como ele mudou um pouquinho do mundo de trouxe esperança em um lugar onde todos acreditavam apenas na morte certa.

Em meio ao caos da época, Mika acaba herdando um casaco de seu avô, um casaco que ele não tirava do corpo e andava para todos os lados. Mal sabia ele que o casaco tinha muito segredos e mistérios, pois a cada oportunidade seu avô colocava mais um bolso nele.

“Em 1938 nós ainda podíamos caminhar livremente pela cidade, um lugar onde a cultura judaica florescia. Era uma bela cidade, nossa cidade. E tudo aquilo logo terminaria de maneira Brutal.”

Mika oi descobrindo um mundo novo dentro do casaco do avô. Um mundo de pedaços de tecidos, cabeça de papel machê e vários fantoches que poderiam ganhar vida. Meio tímido e tentando arrumar o que fazer com seus longos dias, Mika resolve fazer pequenas peças para a sua família, mas a coisas começa a crescer e ele começa a se apresentar para amigos, famílias e crianças doentes, com isso por alguns minutos as pessoas conseguiam esquecer a guerra e se concentrar nos bonecos.

“ Em 29 de setembro, após um mês de bombardeios que deixaram a cidade em ruínas chamuscadas e sem água para combater os incêndios, Varsóvia se rendeu.”

O livro é dividido em três partes, a história de Mika, A jornada do Príncipe (boneco) – que é quando os soldados são levados para Sibéria e a última parte quando todos voltam para casa.

“Mais do que pão, a poesia é necessária em épocas em que não há nenhuma necessidade de ouvi-la.”

Apesar de não ser meu estilo de livro e ser em meio a uma guerra e sofrimento a autora tenta mostrar que é possível ter alegria e esperança para ter forças e continuar lutado.

Um ótimo livro para quem gosta de um bom drama.


sobre Vanessa Sueroz

Autora dos livros Confusões em Paris, Minha última chance, Odiado Admirador Secreto, Presente de Aniversário, Eu te amo mais e Três Botões.


Obrigada pela visita. Por favor, deixe um comentário com a sua opinião, isso é muto importante para nós.

11 thoughts on “O Menino dos Fantoches de Varsóvia